Gerais Solidificação de Resíduos: Presença Ativa nos Principais Eventos do Setor

A Gerais Solidificação de Resíduos está sempre atenta aos principais eventos do país, buscando agregar cada vez mais valor para nossos clientes.

Nossa participação ativa em simpósios, workshops e encontros profissionais nos permite estar na vanguarda das inovações e práticas do setor, garantindo que ofereçamos soluções de ponta e alinhadas às necessidades atuais.

Simpósio de Hotelaria Hospitalar DF – 17 de Abril

No dia 17 de abril, estivemos em Brasília para participar do Simpósio de Hotelaria Hospitalar DF. Este evento foi uma oportunidade única para aprofundar nosso conhecimento sobre as práticas e desafios da hotelaria hospitalar.

Além disso, a palestra do Professor Marcelo Boeger nos proporcionou insights valiosos sobre os impactos da morte nos ambientes de saúde, enriquecendo nosso entendimento sobre a importância da hotelaria hospitalar.

Workshop Hotelaria Hospitalar na Prática – 19 e 20 de Abril

Nos dias 19 e 20 de abril, marcamos presença no Workshop Hotelaria Hospitalar na Prática em Goiânia. Este evento foi uma excelente plataforma para compartilhar nossa expertise e apresentar nossas tecnologias inovadoras que estão transformando a gestão de resíduos em hospitais.

Demonstramos como nossos solidificadores proporcionam uma solução segura, eficaz e sustentável, reafirmando nosso compromisso com a saúde e o bem-estar das pessoas.

Café da Manhã da ANAHP – 7 de Maio

No dia 7 de maio, participamos do Café da Manhã da ANAHP, promovido em parceria com a SISNACMED. Este evento foi essencial para discutir Boas Práticas para o Gerenciamento de RSS (Resíduos de Serviços de Saúde).

Reunindo profissionais do setor do Meio Ambiente, Hotelaria/Higiene Hospitalar, Engenheiros Ambientais, entre outros, discutimos temas como acondicionamento, destinação e tipos de tratamento dos RSS. Nossa presença destacou nosso compromisso com a gestão segura e eficiente de resíduos hospitalares, em conformidade com a RDC 222/2018.

Estamos continuamente buscando participar de mais eventos relevantes para manter-nos atualizados e aprimorar nossas soluções.

A interação com profissionais do setor e a troca de conhecimentos são fundamentais para nosso crescimento e para garantir que ofereçamos sempre o melhor para nossos clientes.

A Gerais Solidificação de Resíduos continuará presente nos principais eventos do país, reafirmando nosso compromisso com a inovação, a sustentabilidade e a excelência em gestão de resíduos.

Sobre a Gerais Solidificação:

Gerais Solidificação de Resíduos atua há MUITOS ANOS nos segmentos industrial e hospitalar, comprometida com a preservação ambiental. Fabricamos produtos sustentáveis com tecnologia brasileira. Entre em contato pelo Whatsapp: (11) 97041-0315, ou envie um e-mail para vendas@geraissolidificacao.com.br.

Garantindo a Segurança na Manipulação dos Químicos: O Papel do Ultra Solid Sachê

Em ambientes hospitalares, a manipulação de químicos é uma atividade crítica que requer extrema precaução. Profissionais de saúde enfrentam uma série de desafios específicos, tais como:

  • Risco de contaminação;
  • Uso indevido;
  • Dificuldade no descarte seguro.

Esses desafios podem comprometer a segurança dos pacientes e dos próprios profissionais da saúde, tornando essencial a busca por soluções inovadoras.

Facilidade de Uso do Ultra Solid Sachê

O Ultra Solid Sachê apresenta-se como uma solução prática e de fácil implementação nos hospitais.

Sua aplicação é simples e direta: o profissional de saúde deve:

  1. Agitar o sachê,
  2. Rasgar no local marcado,
  3. Depositar o conteúdo na caixa de químicos, a caixa de cor laranja.

Após o enchimento do resíduo líquido até a marcação limite, a caixa deve ser lacrada e destinada adequadamente, seguindo os procedimentos estabelecidos.

Enfrentando os Desafios

Risco de Contaminação:

A manipulação de produtos químicos nos hospitais apresenta um risco significativo de contaminação, tanto para os pacientes quanto para os profissionais de saúde.

A exposição a essas substâncias pode ocorrer durante o processo de preparação, administração ou descarte, representando uma ameaça à saúde de todos os envolvidos.

Portanto, é fundamental adotar medidas rigorosas para mitigar esse risco e garantir um ambiente de trabalho seguro e livre de contaminação.

Risco de Desvio:

A manipulação de produtos químicos nos hospitais não apenas apresenta riscos de contaminação, mas também enfrenta o desafio do desvio dessas substâncias.

O desvio de produtos químicos é uma preocupação séria, pois pode resultar em consequências graves, como o uso indevido.

Nesse contexto, o Ultra Solid Sachê desempenha um papel crucial, através da solidificação e inertização dos produtos químicos. Ao transformar os líquidos em uma substância sólida e compacta, o sachê dificulta significativamente o acesso não autorizado e o uso indevido dessas substâncias.

Essa abordagem eficaz contribui para a segurança e integridade desses produtos, promovendo um ambiente mais controlado na farmácia hospitalar.

Dificuldade no Descarte:

O descarte seguro dos resíduos é fundamental para evitar a contaminação ambiental e proteger a saúde pública.

Com o solidificador Ultra Solid Sachê, essa tarefa torna-se mais prática e segura. Sem a presença de líquidos livres, a possibilidade de rompimento da embalagem em caso de queda é significativamente reduzida com a solidificação, garantindo a proteção do colaborador que está manuseando a caixa.

Além disso, sua conformidade com a RDC 222/2018 facilita sua destinação adequada como um item de descarte do grupo B, seguindo as normativas estabelecidas para o manejo de resíduos em serviços de saúde.

Essa conformidade com as regulamentações vigentes proporciona maior tranquilidade aos profissionais de saúde, assegurando que o descarte do resíduo líquido solidificado, seja realizado de forma segura e conforme as diretrizes estabelecidas.

Promovendo um Ambiente Mais Seguro

Em suma, o solidificador Ultra Solid Sachê emerge como uma solução inovadora e eficaz para os desafios enfrentados na manipulação de produtos químicos em ambientes hospitalares.

Sua praticidade, segurança e conformidade com as normativas vigentes tornam-no uma escolha ideal para promover um ambiente mais seguro e controlado na farmácia hospitalar.

Convidamos você a adotar essa solução inovadora, que é a solidificação, e aprimorar a segurança dos processos farmacêuticos em sua instituição de saúde. Juntos, podemos garantir a integridade dos pacientes e dos profissionais da saúde e promover um cuidado de excelência.

 

Sobre a Gerais Solidificação:

A Gerais Solidificação de Resíduos atua há MUITOS ANOS nos segmentos industrial e hospitalar, comprometida com a preservação ambiental. Fabricamos produtos sustentáveis com tecnologia brasileira. Entre em contato pelo Whatsapp: (11) 97041-0315, ou envie um e-mail para vendas@geraissolidificacao.com.br.

Dengue: Sintomas e Como Diferenciar de Outras Doenças Tropicais

A dengue é uma das doenças tropicais mais prevalentes e preocupantes em muitas regiões ao redor do mundo, especialmente em áreas onde o clima favorece a proliferação do mosquito transmissor, o Aedes aegypti.

Neste artigo, exploraremos os sintomas característicos da dengue e como diferenciá-la de outras doenças tropicais comuns.

Com a crescente preocupação com a saúde pública, é fundamental entender os sintomas da dengue e saber como distingui-los de outras doenças comuns em áreas tropicais.

A dengue, causada pelo vírus da dengue, pode variar de uma infecção leve a uma doença grave, potencialmente fatal, conhecida como dengue hemorrágica. Identificar os sintomas precocemente pode ser crucial para um tratamento eficaz e para evitar complicações.

Sintomas da Dengue:

Os sintomas da dengue geralmente aparecem de 4 a 10 dias após a picada do mosquito infectado. Os principais sinais e sintomas incluem:

  • Febre alta repentina
  • Dor de cabeça intensa, principalmente atrás dos olhos
  • Dor muscular e nas articulações
  • Fadiga e fraqueza
  • Erupção cutânea
  • Náuseas e vômitos
  • Dor abdominal intensa

Como Diferenciar de Outras Doenças Tropicais:

É importante ressaltar que os sintomas da dengue podem se sobrepor aos de outras doenças tropicais, entre elas:

  • Malária
  • Febre Chikungunya
  • Zika.

No entanto, há algumas diferenças distintas a serem observadas:

Malária

A malária geralmente causa febre intermitente, calafrios e suores profusos, enquanto a dengue tem uma febre mais constante e intensa.

Febre Chikungunya

A febre Chikungunya causa dores articulares intensas, que podem ser mais graves do que as observadas na dengue.

Febre Zika

A febre Zika é conhecida por causar uma erupção cutânea característica, coceira e conjuntivite, sintomas que podem não ser tão proeminentes na dengue.

Identificar corretamente os sintomas da dengue e diferenciá-los de outras doenças tropicais é essencial para um diagnóstico e tratamento adequados. Se você ou alguém próximo apresentar sintomas suspeitos, é fundamental procurar orientação médica imediatamente.

A prevenção da dengue, por meio do controle do mosquito vetor e medidas de proteção individual, continua sendo a melhor estratégia para combater essa doença grave.

Além disso, é importante destacar o papel do Ultra Solid Combate ao Aedes aegypti na luta contra a dengue. Disponível em duas versões – frasco de 200g e saco de 1 kg, esse produto se destaca por sua eficácia no combate ao mosquito transmissor.

Ao solidificar a água parada, o Ultra Solid Combate ao Aedes aegypti  impede a formação de criadouros do Aedes aegypti, reduzindo significativamente o risco de proliferação da dengue.

E ainda, sua aplicação em poças contaminadas neutraliza as larvas, impedindo seu desenvolvimento. Com sua versatilidade, pode ser utilizado em diversos locais como plantas e bromélias, pátios abandonados, entre outros locais propícios para o acúmulo de água e potenciais criadouros do mosquito.

Diante do desafio contínuo de combater a dengue e proteger a saúde pública, o Ultra Solid Combate ao Aedes aegypti representa uma ferramenta essencial na prevenção e controle dessa doença, contribuindo para a segurança e bem-estar das comunidades afetadas.

Sobre a Gerais Solidificação:

A Gerais Solidificação de Resíduos atua há MUITOS ANOS nos segmentos industrial e hospitalar, comprometida com a preservação ambiental. Fabricamos produtos sustentáveis com tecnologia brasileira. Entre em contato pelo Whatsapp: (11) 97041-0315, ou envie um e-mail para vendas@geraissolidificacao.com.br.

Maximizando a Eficiência Industrial: A Contribuição do Ultra Solid SS na Limpeza Sustentável de Torres de Resfriamento

Na busca incessante pela eficiência industrial, a manutenção adequada das torres de resfriamento é essencial.

Abordaremos como o Ultra Solid SS  atua como um aliado valioso, não apenas na limpeza eficiente dos resfriadores, mas também na gestão sustentável dos resíduos resultantes desse processo.

A eficiência operacional de uma planta industrial está diretamente ligada ao desempenho de seus resfriadores. No entanto, a otimização vai além da limpeza tradicional.

Nesse contexto, o solidificador Ultra Solid SS  destaca-se como um produto inovador que proporciona um novo horizonte para a gestão de resíduos.

Uma das maiores preocupações na manutenção de torres de resfriamento é garantir:

  • Eficiência Energética Aprimorada
  • Maior Resistência à Corrosão
  • Oferecer uma Manutenção Simplificada.

Esses são os pilares que sustentam o funcionamento eficaz desses equipamentos.

Eficiência Energética Aprimorada

O solidificador Ultra Solid SS não atua diretamente na eficiência dos resfriadores, mas sim na limpeza sustentável que contribui para a preservação dessa eficiência. Ao proporcionar uma maneira inovadora de lidar com resíduos lamacentos, ele se torna um apoio fundamental para manter o desempenho dos resfriadores.

A limpeza adequada dos resfriadores é crucial para evitar perdas de eficiência e garantir a durabilidade dos equipamentos.

Nesse contexto, o Ultra Solid SS oferece uma alternativa sustentável, permitindo que as empresas solidifiquem os resíduos lamacentos resultantes da limpeza, ampliando as possibilidades de descarte em conformidade com as regulamentações ambientais.

Resistência à Corrosão

Ao garantir uma limpeza eficiente, o solidificador Ultra Solid SS  contribui para o descarte seguro dos produtos químicos aplicados na limpeza afim de evitar a corrosão das torres de resfriamento.

A resistência à corrosão é uma característica essencial para manter a integridade estrutural das torres de resfriamento.

O Ultra Solid SS oferece uma abordagem ambientalmente responsável para lidar com os resíduos resultantes do processo de limpeza.


Manutenção Simplificada:

A simplificação da manutenção é alcançada através da integração eficaz do solidificador Ultra Solid SS no processo de limpeza.

Ao solidificar os resíduos, ele reduz a necessidade de intervenções frequentes, permitindo que as empresas foquem em suas operações principais.

Simplificar a manutenção dos resfriadores é um passo crucial para otimizar recursos e garantir um funcionamento contínuo.

Com o Ultra Solid SS, as empresas têm a flexibilidade de escolher uma abordagem que não apenas simplifica o processo, mas também contribui para a sustentabilidade ambiental.

Limpar os resfriadores de maneira tradicional ou utilizar o Ultra Solid SS?

A modernização do processo é a chave para uma eficiência duradoura.

Em um cenário industrial em constante evolução, a integração de práticas sustentáveis torna-se imperativa para o sucesso a longo prazo.

Ao escolher o Ultra Solid SS, as empresas não apenas investem na eficiência de seus resfriadores, mas também demonstram um compromisso com a preservação do meio ambiente.

Faça a escolha certa para a limpeza das torres de resfriamento – escolha o Ultra Solid SS e alie desempenho à sustentabilidade.

Sobre a Gerais Solidificação
A Gerais Solidificação de Resíduos atua MUITOS ANOS nos segmentos industrial e hospitalar, comprometida com a preservação ambiental. Fabricamos produtos sustentáveis com tecnologia brasileira. Entre em contato pelo Whatsapp: (11) 97041-0315 ou envie um e-mail para vendas@geraissolidificacao.com.br.

A importância das caixas de gorduras para o meio ambiente e a maneira mais eficaz de limpá-las

A importância das caixas de gorduras para o meio ambiente e a maneira mais eficaz de limpá-las

Tratar efluentes sempre é um desafio imenso. Há muitas substâncias ou materiais biológicos difíceis de serem tratados.
O descarte deste tipo de material na rede coletora de esgoto pode ocorrer pelas indústrias, hospitais, restaurantes e até mesmo em nossas casas.

Para evitar maiores problemas com o descarte do material orgânico no esgoto doméstico, a ABNT, por meio da NBR 8160, nos instrui para a construção de um sistema de retenção de gorduras, popularmente denominada caixa de gordura.

Mas afinal qual a importância e porque devemos nos atentar ao descarte correto?

Antes, porém, é preciso entender o funcionamento dela. A caixa é nada mais que um reservatório acoplado à tubulação de descarga do líquido da pia da cozinha, por onde a gordura se concentra. Conforme acontece o acúmulo do material orgânico com a gordura, esta mistura começa a ficar mais pastosa, se tornando um semissólido.

Partindo da premissa que o descarte de 1 litro de óleo na pia contamina ao menos 25 mil litros de água dos rios, esse mecanismo evita com que esses contaminantes caiam diretamente na rede de esgoto e, assim, reduz a contaminação, o que facilita a companhia de tratamento de água no tratamento de efluentes do município/estado, contribuindo assim para o meio ambiente.

Como as caixas de gorduras são concentradores desses materiais orgânicos, é necessária limpeza periódica, contudo essa mistura de material orgânico+óleo que sobra das limpezas, no estado semissólido, deve ser descartado de maneira correta e não pode voltar para a rede coletora de esgoto devido problemas como, por exemplo, o entupimento.

Uma forma eficaz, correta e de baixo custo de limpeza, e que também facilita no descarte é a solidificação com o produto Ultra Solid® do material semissólido proveniente das caixas, reduzindo o odor e encapsulando o material orgânico.

Após o procedimento, a pessoa responsável pela limpeza ganha mais opções tanto na retirada, quanto no descarte do material, que poderá ser em sacos para lixo comum separado dos recicláveis.

Fonte:
https://www.pagina3.com.br/meioambien/2019/dez/11/1/descarte-errado-de-gordura-entope-a-rede-coletora

Sobre a Gerais Solidificação
A Gerais Solidificação de Resíduos atua MUITOS ANOS nos seguimentos industrial e hospitalar com aplicações em solidificação de resíduos líquidos犀利士
ou semissólidos diversos. A empresa Gerais, por ser uma empresa com foco na área ambiental, está sempre compromissada com a preservação do meio ambiente, fabricando produtos sustentáveis com tecnologia brasileira, visando a satisfação de seus clientes. Trabalhamos com os mais diversos hospitais, laboratórios e indústrias espalhados por todo o território nacional!

Para entrar em contato, envie-nos uma mensagem por Whatsapp:(11) 97041-0315. Alternativamente, ligue: (19) 3397-7702 ou envie um e-mail para vendas@geraissolidificacao.com.br

7 medidas que ajudam no descarte correto do lixo residencial infectante.

A Pandemia do Coronavírus (COVID-19) perdura por um longo tempo aqui no Brasil.
Pessoas não ligadas à área da saúde, não acostumadas à rigidez do processo de limpeza hospitalar, não sabem ou ficam perdidas em relação ao descarte de material possivelmente contaminado.
A dúvida surge tanto para aqueles que se protegem, para que não sejam infectados pelo vírus, quanto para aqueles que estão contaminados e querem proteger todos ao seu redor.
As pessoas que já se infectaram, em particular, devem redobrar o cuidado, pois qualquer vacilo é porta de entrada para uma contaminação massiva.
Outro ponto que reforça a preocupação, é a de que não sabemos quase nada a respeito de todo o processo que nosso lixo passa, desde a saída de casa até a chegada à aterros sanitários, e um lixo infectante mal sinalizado pode causar um efeito dominó em toda a rede de colaboradores da coleta de lixo.

Segundo Felipe Medeiros, médico residente em infectologia do HC, em matéria para o R7, não há uma maneira específica para se fazer o descarte desse material, mas há sim algumas medidas que podem ajudar o não espalhamento da doença pelo lixo.

Listamos abaixo, 7 medidas que ajudam no descarte correto do lixo infectante:

  • Separar o lixo Orgânico e Reciclável em sacos diferentes;
  • Envolver lixo infectante (ou suspeito de ser infectante) em 2 sacos;
  • Lacrar e identificar o lixo infectante em papel adesivo ou sinalização similar;
  • CUIDADO! Não usar grampeador, qualquer furo no saco de lixo infectante é porta de saída do vírus, use sempre material adesivo no lugar;
  • FITA VERMELHA: Colaboradores da coleta orientam para que o lixo infectante seja envolvido em uma fita vermelha, para ajudá-los no reconhecimento deste tipo de lixo;
  • Descarte sempre o lixo infectante em horários próximos aos da coleta para evitar que o lixo fique exposto por muito tempo na rua;
  • Não lote o saco de lixo infectante, opte por dividir em mais sacos para faci犀利士5mg
    litar o fechamento, e para evitar rasgos devido à excesso de peso;
  • Máscaras, luvas e outros materiais descartáveis, mesmo não estando infectados, devem ser sempre descartados e identificados em sacos duplos de lixo, obedecendo aos mesmos procedimentos para lixos infectantes;

 

O descarte deve ser, preferencialmente, feito por uma pessoa saudável, para não infectar a parte exterior do lixo. Todos esses procedimentos são muito semelhantes ao descarte do lixo infectante hospitalar.
Por exemplo, recomenda-se a solidificação de resíduos com o solidificador de resíduos Ultra Solid SSI® para o caso de derramamento de líquidos infectantes como vômitos, fezes, urina, entre outros.
Esse tipo de procedimento evita que, em possíveis acidentes, o material contaminado não vaze e contamine outros ambientes e pessoas.
Como diz o ditado, em se tratando de Pandemia, todo cuidado é pouco e descartar o lixo residencial de forma segura é uma importante maneira de conter o vírus.

Fontes:

Sobre a Gerais Solidificação
A Gerais Solidificação de Resíduos atua MUITOS ANOS no ramo hospitalar com aplicações em solidificação de resíduos corpóreos. A empresa Gerais, por ser uma empresa com foco na área ambiental, está sempre compromissada com a preservação do meio ambiente, fabricando produtos sustentáveis com tecnologia brasileira, visando a satisfação de seus clientes. Trabalhamos com os mais diversos hospitais e laboratórios espalhados por todo o território nacional!

Para entrar em contato, ligue: (19) 3397-7702 ou envie um e-mail para vendas@geraissolidificacao.com.br

Economia Circular: uma nova maneira de olhar a cadeia produtiva

A Terra sempre se auto regula, não à toa, que estudamos vários ciclos como o da água, do nitrogênio e do carbono.

Com o desenvolvimento tecnológico feito pelo homem ao longo de milênios e, com maior crescimento após a 1ª Revolução Industrial, a Terra começou a lidar com um problema:

A poluição.

Lidamos com o lixo de uma maneira linear, em um processo que pode ser resumido em 3 etapas:

  • Extrair;
  • Produzir;
  • Descartar.

Além de toda situação se acumular no final do processo, há o problema de os recursos serem finitos.

Isso se deve à velocidade de geração dos recursos ser inferior à velocidade de produção.

Assim, uma hora esse sistema entrará em colapso!

Até 2050, a estimativa é de que iremos consumir 3 vezes a quantidade de recursos que a Terra produz.

Até lá, se não houver uma melhora tecnológica capaz de acelerar o processo de geração de recursos, haverá escassez no abastecimento das indústrias.

Como consequência a linha de produção será reduzida ou paralisada.

Outra falha grave neste sistema é o descarte que, muitas vezes, é feito de maneira incorreta.

Se um lixo contaminado já é preocupante devido à possíveis vazamentos para lençóis freáticos, por exemplo, em uma escala maior, o risco é potencializado.

É neste cenário, portanto, que surge um novo meio de se pensar a produção industrial:

A economia circular.

A economia circular é a forma de nos relacionarmos com meio ambiente, além de pensar no nosso futuro de nossos filhos e netos.

Assim surgem novos conceitos no processamento industrial:

  • Design regenerativo;
  • Economia de performance;
  • Cradle to cradle – do berço ao berço;
  • Ecologia industrial;
  • Biomimética;
  • Blue economy;
  • Biologia sintética.

Com a adição destes conceitos, o meio fabril muda totalmente a fim de otimizar toda a concepção do produto de forma extremamente inteligente.

Por exemplo:

  • Resíduos viram nutrientes em novos processos;
  • Produtos ou materiais são consertados.

A metodologia do modelo circular visa imitar justamente os processos da natureza.

Assim, no novo sistema, os fluxos materiais são classificados em dois tipos:

  • Nutrientes técnicos: projetados para retornar à cad必利勁
    eia produtiva;
  • Nutrientes biológicos: projetados para retornar à biosfera de forma segura.

Dados da revista Nature apontam que essa nova forma de nos relacionarmos com o meio produtivo gera alguns benefícios, como por exemplo:

  • Economia de recursos;
  • Economia de energia;
  • Empregos locais;
  • Redução em até 70% da emissão de gases nocivos;
  • Diminuição significativa de resíduos.

Portanto, a premissa principal é o retorno do objeto ou resíduo em algum momento da cadeia, ou devolvido de forma preservada ao ecossistema, transformando, o que era uma linha, em um processo mais complexo, porém muito mais ecológico.

Uma forma eficaz de reaproveitamento é por meio da desidratação dos resíduos.

A vantagem da desidratadora é que os resíduos entram com 4 toneladas/hora a uma umidade em torno de 60%, e obtém na saída 1 tonelada/hora com 20% de umidade, e com gasto de energia elétrica de 200 kWh.

Mudando, assim, vários resíduos em produtos ou subproduto, como por exemplo, RSU(Resíduo Sólido Urbano) em CDR(Combústivel Derivado de Resíduo); dejetos de frangos em adubos ou ainda cevada em ração animal.

As aplicações são inúmeras!

Com a utilização da UNIDADE DESAGREGADORA E DESIDRATADORA SIMULT NEA DE RESÍDUO é possível reduzir o volume de resíduos inicial, com a retirada da umidade, e com baixíssimo custo de energia.

Para cotar este equipamento, clique aqui.

A economia circular veio para ficar. É impossível mantermos o nível de consumo sem mudar a produção.

E essa nova estrutura é uma maneira inteligente de manter a economia aquecida, incentivando o consumo, ao mesmo tempo que se preocupa com o meio ambiente.

É uma proposta que mobiliza toda a cadeia produtiva para possibilitar um futuro mais limpo para nossos descendentes.

Para saber mais acesse as fontes:
https://www.ecycle.com.br/2853-economia-circular.html
https://www.ideiacircular.com/economia-circular/

Sobre a Gerais Solidificação
A Gerais Solidificação de Resíduos atua há mais de 7 anos no ramo hospitalar com aplicações em solidificação de resíduos corpóreos. Com sede em Minas Gerais, a Gerais está sempre compromissada com a preservação ambiental, fabricação de produtos sustentáveis com tecnologia brasileira, visando a satisfação de seus clientes. Trabalhamos com as mais diversas empresas do segmento industrial, espalhadas por todo o território nacional!

Para entrar em contato, ligue: (19) 3397-7702 ou envie um e-mail para vendas@geraissolidificacao.com.br